souss com news
Derniers sujets
» Transfuge Mémorial
par zaryaba Ven 9 Fév - 19:52

» Apprendre la citoyenneté avec Tachelhite.com
par zaryaba Jeu 1 Fév - 22:53

» Tachelhite.com diffusion
par zaryaba Jeu 1 Fév - 22:52

» tachelhite le site amazigh marocain
par zaryaba Dim 17 Déc - 16:15

» tachelhite tagged links
par zaryaba Mar 12 Déc - 3:17

» روابط منتديات سيدي بيبي
par zaryaba Mar 12 Déc - 3:16

» الزواج بين فرنسي و مغربية ''القانون يقول''
par Invité Dim 29 Oct - 1:35

» Connaitre votre solde ou N° carte SIM chez operteurs Maroc
par mimouni Dim 23 Juil - 12:37

» Direct Links to Mimouni abdelmalek Video Youtube
par Admin Lun 20 Fév - 20:33

» video mimouni
par Admin Lun 20 Fév - 20:31

» RESEAU SOUSS
par Admin Jeu 20 Oct - 21:54

» html sitemap souss com
par Admin Mer 13 Juil - 23:41

» sitemap souss com
par Admin Mer 13 Juil - 23:38

» feed souss com
par Admin Mer 13 Juil - 23:33

» Repositionnement souss com
par carnivor Dim 12 Juin - 1:51

Mots-clés

auteur  parcours  femme  destin  mimouni  


A Democracia

Aller en bas

A Democracia

Message par connected le Ven 18 Nov - 0:56

A Democracia
(la Démocratie)
(el mimouni abdelmalek)


démocratie vent de - dêmokratia - soit Dêmos (povo)
et kratein (governador).
a democracia é o contrário tyrannie e significa
que os líderes são procedentes do povo e escolhido por ele
para governá-lo respeitando a sua vontade em toda
as decisões. Para poder instaurar tal modelo,
o povo deve ser homogéneo socialmente e instruído. Se o
povoa é maioritariamente analphabète, mal informado ou
apresentados uma uma disparidade social evidente ou compostos de um
certo número de etnias, ele for difícil instaurar um
democracia equitativa.
o homem, malin primate sabe adaptar-se todas as à situações
e dá-lo forma todo para monopolizar-se dos direitos legítimos de
seus semblables.Ainsi, tiveram-se vários modelos de poder
banalisant e desnaturalizador tem-se excesso este nobre termo.
os antigos Gregos Atenienses dispunham já de um sistema
onde são excluídos as mulheres, os escravos e o métèques, o
democracia do notáveis em feito. Os Romanos têm também por
a sequência optados por este regime com a concessão de nacionalidade e de
postos governamentais aos estrangeiros úteis tem o império.
seguidamente, estes sistemas foram abandonados em proveito do
Théocratie que privilegia a religião e põe o poder aos
mãos do religiosos que instaura que a posição de cada
indivíduo na sociedade é definida pelo seu nascimento, cada
progenitura é condenado de aumentar o seu doador na sua
função. O camponês continuará a ser então sempre campesino etc.
no fim da média idade, o cristianismo defende a concepção
segundo a qual todos os indivíduos são iguais na frente de Deus estes
que faz emergir o individualismo, o capitalismo e a burguesia.
os termos « autonomia da faia, renascimento e humanismo,
legitimidade do poder, colectividade e representante de dieu» fazem
então aparecimento. Ao décimo sexto século, era convencido-se que
a monarquia não pode garantir tem o indivíduo os seus direitos e passou-se
tem-se a eliminação brutal do rei da Inglaterra. Uma república
nasceu sob a direcção de Cromwell, após mais de dez anos e
vendo que o poder não trouxe nada aos cidadãos, restabelece-se
a monarquia no país. Experimenta-se seguidamente toda
espécies de democracia: liberal, representativo, constitucional,
social, cristão? até a Jamahyrienne.
o filósofo Inglês John Loche (1690) semi ao acento no
tratado do governo civil sobre a monarquia constitucional
que pode garantir o valor absoluto da liberdade do indivíduo.
seguidamente, cada nação fez mais ou menos a boa escolha em
que adopta o modelo que crê convir tem os seus cidadãos. Seguidamente,
rapidamente tem-se dado-se conta que feita no mundo não é feita para
a democracia. Instaurou-se quotas, vistos, das expulsões,
a redução da liberdade da imprensa que arvora a necessidade dos
necessidades da justiça e a protecção do país etc.? etc.?
Por último, visto as disparidades sociais entre as nações e em
cada povo, a vontade de proteger o fraca e controlar os
fortes, a necessidade de premunir o cidadão contra as calamidades e
catástrofes momentâneas ou imprevistas, o analphabétisation que
demora a desaparecer etc.?., pode-se citar por exemplo o
exemplar Marroquino que é uma monarquia constitucional e
que permitiu ao cada indivíduo, urbano ou rural, intelectual ou
analphabète, pobre ou fácil participar no desenvolvimento
do país, aceder à sua parte nos recursos nacionais,
aproveitar dos capitais disponíveis em outras regiões e
lugares. O país dispõe em feito de todas as instituições que
existem em Ocidente que vai das autarquias locais ao
Parlamento, sindicatos, oposição, pluralidade dos partidos, direito
de expressão que excede às vezes todas as normas conhecidas. Em
prima, o soberano Marroquino mistura-se sempre ao público e
não rejeita nunca as queixas que ele estica-se, tem mesmo
cria meios que permitem à cada cidadão entrar em
contacto com ele se sente-se lesado pela justiça ou os
que escolheu para representá-lo. Por exemplo
cito Diwan almadalim e as diversas organizações dos
direitos humanos.

http://www.netsaber.com.br/resumos/ver_resumo_c_5950.html
avatar
connected

Messages : 263
Réputation : 0
Date d'inscription : 25/05/2011
Age : 49

Voir le profil de l'utilisateur

Revenir en haut Aller en bas

Revenir en haut


 
Permission de ce forum:
Vous ne pouvez pas répondre aux sujets dans ce forum